Você precisa ter um domínio próprio!! Entenda o porque em 4 super dicas!

O domínio, ou URL, é o endereço virtual de seu negócio.

É como seus clientes buscarão sua empresa ou produto na Internet.

Além de dar mais credibilidade para a sua iniciativa, o domínio próprio traz  uma série de vantagens, como a criação de subdomínios para páginas especificas, por exemplo:

Os domínios gratuitos não oferecem os mesmos recursos de um endereço registrado. Além disso, passam uma imagem de amadorismo ao seu negócio, o que pode afetar diretamente a confiança que os consumidores terão sobre o seu produto digital. Confira a seguir algumas dicas para criar e gerenciar um domínio que será a base do sucesso de suas vendas!

#1 A escolha do nome

O domínio de seu site deve representar a identidade de sua marca. Além de aumentar a aceitação de seu negócio junto a seu público-alvo, o nome do registro precisa ser fácil de lembrar. Por isso não escolha nomes complicados e longos. Seja direto! Você não quer que os usuários tenham que digitar um endereço extenso como meusitenovodeinfoprodutosmatadores.com.br, certo? Afinal, além de dificultar a encontrabilidade do seu site pelos interessados em seu infoprouduto, será difícil gravar o endereço para um retorno posterior. Um outro fator negativo é que os domínios que possuem muitas palavras confundem não apenas os internautas como as ferramentas de indexação como Google, Bing e Yahoo.

#2 Custos de registro e hospedagem

Já se foi o tempo que ter um domínio próprio era coisa de grandes empresas. Estima-se que existam mais de 250 milhões de endereços registrados na internet. Com o aumento da demanda, as ofertas tiveram redução de preços e apresentam, hoje, um custo irrisório para os negócios. Com apenas R$30 é possível registrar um domínio por um ano! Já a hospedagem do conteúdo é cobrada em mensalidades, que variam de acordo com o espaço disponível no servidor e os recursos oferecidos. Mas é possível adquiri-los por menos de R$10 mensais! O retorno de ter um endereço exclusivo na internet você verá no aumento direto de suas vendas!

#3 Definindo a extensão e a compra

Para garantir o endereço de seu site você deve consultar a disponibilidade. Para isto, existe um site de registros. Além da extensão tradicional .com.br, há uma diversidade de extensões como .net, .org, .edu. Mas se o seu produto não for muito específico, o segredo é não inventar modas. Seu infoproduto são videoaulas? Vale considerar registrar um TV.br, por exemplo. Mas não deixe de adquirir também o .com.br! Ter múltiplos domínios também é uma vantagem competitiva e afasta possíveis “falsificadores”, além de restringir a concorrência.

Caso seu negócio tenha um âmbito internacional vale a pena também adquirir um domínio .com. Estes são geridos por empresas que se encontram principalmente nos Estados Unidos. Dentre elas destaca-se o Godaddy.com, mas existem outras opções. Antes de escolher, certifique-se quanto a credibilidade da empresa e dos recursos que oferece, como por exemplo, hospedagem, suporte e painel de controle.

#4 Funcionalidades

Ter contas de e-mail personalizados para seu negócio é uma das principais vantagens de adquirir um domínio próprio. Você pode facilmente criar o contato@meusite, vendas@meusite, entre diversas outras opções. Assim você consegue triar o tipo de e-mail em cada uma das contas prezando também uma imagem profissional a todos os seus públicos.

Outra possibilidade que gera impactos diretos para seu negócio são os subdomínios como por exemplo vendas.meunegocio.com.br, ou atendimento.meunegocio.com.br. Estes nomes podem ser facilmente criados no painel de controle de seu domínio. Isto contribui, inclusive, para que você consiga gerir as páginas de vendas e para afiliados com o mesmo domínio.

Outra vantagem no caso de compra de múltiplos domínios é direcionar o usuário para a página principal, de forma que se ele digitar apenas seunegocio.com será automaticamente apontado para o endereço principal.

Por fim, ao ter um domínio próprio fica mais fácil configurar as ferramentas de otimização de buscas (SEO) e monitorar o tráfego de seu site utilizando de ferramentas como o Google Analytics, onde você terá informações essenciais para analisar o comportamento do consumidor, os produtos digitais mais procurados, os conteúdos disponibilizados mais lidos, dentre diversas outras opções identificadas em relatórios que podem ser filtrados conforme período almejado.

Se você ainda não tem um domínio próprio para a sua página de vendas, considere a opção! E aí, como andam as suas vendas?

Fale com um especialista de produto hoje mesmo e saiba como podemos te ajudar!

error: Obrigado pelo interesse. Fale Conoso: 019 3617-4221